Balotelli chorou pela filha depois de confirmar que é pai

0
youtube

Mario Balotelli, o jogador do AC Milan que é sobretudo conhecido pela irreverência, está a dar que falar depois de ter chorado, após ter sido substituído no jogo de sábado, frente ao Nápoles. Noticiou-se que as lágrimas do avançado se deveriam aos cânticos racistas que recebeu durante o desafio, mas o choro poderá, afinal, ter sido motivado pela filha de um ano.

Ora veja o vídeo com as lágrimas de Mario Balotelli…

https://www.youtube.com/watch?v=Npdemy3eaKY

O atleta italiano descobriu por estes dias que é o pai da pequena Pia, fruto do relacionamento de Balotelli com a ex-namorada Raffaella Fico. O antigo casal trocou várias acusações através das imprensas cor-de-rosa italiana e inglesa e o ex-jogador do Manchester City exigiu um teste de ADN para assumir a paternidade da menina que nasceu em Dezembro de 2012.

O exame confirmou que Balotelli é mesmo o pai da filha de Raffaella Fico e o agora avançado do AC Milan escreveu uma carta aberta a assumir publicamente esse facto.

Antes disso, via Twitter, Balotelli deu a notícia aos seus seguidores. “Finalmente a VERDADE 🙂 ??…PIA… Doce criança minha !!! O teu Pai.” Foi o que o avançado escreveu no seu perfil daquela rede social.

A carta aberta de Mario Balotelli

Leia agora a carta aberta de Mario Balotelli, onde este apela ao respeito pela privacidade em nome da filha:

Como tinha dito, se o tribunal confirmasse que eu sou o pai de Pia, estou pronto para assumir a minha responsabilidade. Quero fazê-lo em silêncio, longe de tudo o que está relacionado com os media, quando se trata de lidar com um assunto tão importante como é o laço que liga os pais ao seu filho.

Não participarei em nenhum programa de televisão, porque o meu trabalho é executado no relvado. Não quero qualquer tipo de especulação em torno deste assunto. Escrevi sobre os resultados de ADN no Twitter porque cresci com maneiras, valores e conheço o valor das palavras amor e afecto.

Escrever Pai deu-me uma explosão de emoção, mas agora quero manter esta alegria para mim. Espero que o meu silêncio possa evitar qualquer controvérsia futura na Televisão ou nos jornais.

Espero que o meu silêncio ajude as pessoas a entender que há aqui uma criança que não sabe como os mundos dos media e da televisão funcionam. Espero que as minhas poucas palavras possam ajudar a colocar definitivamente um fim a este caso.

Com afecto, Mario que hoje espera pela sua filha longe dos holofotes dos media e, espero, um dia esperar por ela fora das quatro linhas para vê-la aplaudir o Milan e o seu pai.

No âmbito desta situação, as lágrimas que o avançado verteu durante o desafio entre o AC Milan e o Nápoles resultarão da emoção por ter descobrido que é pai. Durante o jogo ouviram-se cânticos racistas dirigidos a Mario Balotelli que saiu de campo aos 73 minutos, sendo substituído. A exibição do avançado não foi grande coisa, tal como o desempenho do AC Milan que perdeu o jogo por 3-1.

Artigos Relacionados

Sê o(a) primeiro(a) a comentar

Veja também

Teatro: Hotel Europa em Almada

Portugal não é um país pequeno é a primeira de três produções que a companhia Hotel Europa traz ao Teatro Municipal Joaquim Benite em 2017 e ...