Dicas para lidar com a Blue Monday

0

Assinala-se hoje, dia 16 de janeiro, o dia mais triste do ano, também conhecido como a Blue Monday. A data ganhou significado em 2005 ap´ós uma campanha levada cabo pela Sky Travel onde fazia alusão a uma fórmula matemática elaborada por Cliff Arnall que permitia calcula o dia mais propenso ao sentimento de tristeza e depressão.

Embora não tenha nenhuma base científica, desde então a terceira segunda-feira do mês de janeiro passou a ser considerada a Blue Monday. Como os dias em que nos sentimos mais tristes ou mais depressivos podem acontecer ao longo de todo o ano, aqui ficam algumas dicas para lidar não só com a Blue Monday, mas também como todos os outros.

  1. Pratique exercício físico: fazer exercício regularmente ajuda a liberar endorfinas, o que pode ajudar a melhorar o seu estado de espírito;
  2. Pratique uma alimentação saudável: está provado cientificamente que há certos alimentos que podem afetar o nosso humor, então é importante tentar manter uma dieta equilibrada;
  3. Faça coisas que gosta: por vezes com a azáfama do dia a dia torna-se um pouco difícil, mas tente encontrar tempo para fazer coisas que lhe dão prazer, como ler, ver filmes, ouvir música, sair com os amigos, ir jantar fora, etc;
  4. Fale sobre seus sentimentos: desabafar sobre o que nos incomoda é muito importante, por isso tente conversar com alguém da sua confiança que o possa ajudar a liberar suas emoções e lhe dê o apoio necessário;
  5. Faça algo de novo: novas experiências tendem a deixar-nos mais bem dispostos e a quebrar com a rotina.
  6. Não se compare com os outros: as pessoas geralmente tendem a mostrar as melhores versões de si mesmas nas redes sociais, e comparar-se a eles pode aumentar a sua tristeza. Lembre-se que por vezes a vida real, dessas mesmas pessoas, pode não ser tão florida quanto parece;
  7. Procure ajuda profissional: se sentir persistentemente triste ou deprimido não hesite em procurar ajuda profissional.

//AR

Artigos Relacionados

Sê o(a) primeiro(a) a comentar

Veja também